Eu não sei se você notou o ministério de Jesus, mas durante a sua caminhada na terra, tão importante quanto suas ações, foram as suas reações. Ele passou por muitas situações de pressão, e em meio a acusações e mentiras Jesus respondeu bem a cada uma delas.

Os fariseus inventaram coisas contra ele, e em todo tempo esperavam encontrar falhas em seu modo de viver.  Diariamente tinha que conviver com seus discípulos, e em diversas situações a maioria deles demonstrou um comportamento imaturo, mas Ele reagiu bem em todas as situações. Como Cristãos precisamos também aprender a lidar com os nossos sentimentos, e nossas emoções. Em Gálatas 5. 22 vemos “Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança “.  

Como fazer o fruto crescer? 

Não é fácil reagir bem a algumas circunstâncias que vivemos, é necessário deixar o Espírito Santo governar a nossa vida e completar a obra dentro de nós. Para isso, é necessário reconhecer o que precisa ser transformado. Em seu tempo de oração coloque diante de Deus o seu caráter, a maneira como você tem reagido, as palavras que você tem dito a pessoas a sua volta, como você tem revelado o seu coração diante das pressões. Demonstre para Deus que você deseja essa mudança!  

Há um processo para todo crescimento!

Antes de cumprir o seu ministério na terra, a Bíblia diz que jesus foi levado ao deserto para ser tentado pelo Diabo. Assim como foi com Ele, a nossa estrutura será provada, o Espírito Santo vai nos levar a situações difíceis, ao lado de pessoas que nem sempre vão se comportar de forma amável ou justa como esperamos, mas são nesses momentos que nós revelamos o fruto do Espírito pela temperança, paciência e domínio próprio. Assim como Jesus precisamos reagir certo e sair dessas situações com um outro posicionamento.

Como permanecer dando frutos de justiça? 

Não faça com outros o que já fizeram com você! Mais uma vez precisamos olhar para Jesus e aprender com Ele. Tentaram fazê-lo parar em todo tempo, através de ameaças de perseguições, mas ao invés de perder tempo revidando, mesmo tendo poder para resolver qualquer situação, Ele sempre entregou tudo nas mãos do seu Pai. Em efésios 6.12 podemos aprender:  “ porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais.

Precisamos nos firmar nessa verdade, a nossa batalha é espiritual. E nada pode frustrar os planos de Deus para a sua vida, por isso vença uma das maiores tentações que o homem pode passar em um momento difícil, que á de revidar na mesma medida, confie entregue tudo nas mãos de quem tem poder para mudar toda e qualquer situação com justiça. Quando ferimos alguém, porque fomos feridos, abrimos portas para o inimigo contaminar nosso interior e comprometemos a obra do Espírito em nós, por isso ore, renuncie, obedeça e fortaleça em cada situação o fruto do Espírito dentro de você através de emoções saudáveis e um comportamento aprovado por Deus! 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp